MENU

05/11/2021 às 07h32min - Atualizada em 05/11/2021 às 07h32min

Abertas as inscrições para o concurso público da Polícia Civil de MS

São 236 vagas; salários podem chegar até R$ 17 mil.

MIDIAMAX
Foto: Divulgação
As inscrições para o concurso público da Polícia Civil de Mato Grosso do Sul já estão abertas. A Fundação de Apoio à Pesquisa, ao Ensino e à Cultura (Fapec) é a responsável pela organização do certame que oferece 236 vagas, sendo 42 para Perito Papiloscopista, 36 para Agente de Polícia Científica, 75 para Perito Oficial Forense (Perito Criminal), 53 para Perito Oficial Forense (Perito Médico-Legista) e 30 para Delegado de Polícia.

As inscrições serão realizadas exclusivamente via internet, pelo portal da Fundação, até dia 18 de novembro de 2021. O valor da taxa de inscrição é de R$ 340,48. 

Os editais preveem a reserva de 20% das vagas para cotistas negros, 3% para índios e 5% aos candidatos na condição de Pessoa com Deficiência. Quanto ao pedido de isenção da taxa de inscrição, poderá ser solicitado exclusivamente até o dia 30 de outubro, por meio de campo próprio disponível no sistema de inscrições.

A remuneração para os cargos de Agente de Polícia Científica e Perito Papiloscopista é de R$ 4.527,80. Para as vagas de Perito Oficial Forense (Perito Criminal e Perito Médico Legista), a remuneração corresponde a R$ 7.377,66 e, para Delegado de Polícia, R$ 17.014,18.

Fases
Para o concurso de Perito Papiloscopista, Agente de Polícia Científica e Perito Oficial Forense (Perito Criminal e Perito Médico Legista), estão previstas seis fases, compreendidas entre a Prova Escrita Objetiva (Fase I), Avaliação Médico-Odontológica (Fase II), Avaliação Psicológica (Fase III), Prova de Títulos (Fase IV); Curso de Formação Policial (Fase V) e Investigação Social (Fase VI).
Para o concurso de Delegado de Polícia são nove fases: Fase I: Prova Escrita Objetiva; Fase II: Prova Escrita Discursiva; Fase III: Avaliação Médico-Odontológica; Fase IV: Avaliação de Aptidão Física; Fase V: Avaliação Psicológica; Fase VI: Prova de Títulos; Fase VII: Prova Oral, Fase VIII: Curso de Formação Policial e Fase IX: Investigação Social.

Requisitos
Para a função de Perito Papiloscopista, a exigência é de curso superior em nível de graduação (exclusivamente bacharelado), em qualquer área do conhecimento. No caso das vagas destinadas a Agente de Polícia Científica, o requisito de escolaridade é de curso superior em nível de graduação, também em qualquer área do conhecimento. As vagas para a categoria funcional de Perito Oficial Forense, na função de Perito Criminal trazem como exigência, curso superior em nível de graduação (exclusivamente bacharelado) em Análise de Sistemas, Engenharia da Computação, Ciências da Computação; Biologia; Engenharia Ambiental, Engenharia Agrícola, Engenharia Agronômica ou Engenharia Florestal; Engenharia Civil; Engenharia Mecânica; Engenharia Elétrica ou Engenharia de Telecomunicações; Engenharia Química ou Química; Engenharia de Materiais; Farmácia; Física e Medicina Veterinária.

Para a categoria funcional de Perito Oficial Forense, na função de Perito Médico-Legista, o requisito de escolaridade é curso superior em nível de graduação em Medicina. Quanto às vagas para a categoria funcional de Delegado de Polícia, têm como requisito de escolaridade, curso superior em nível de graduação em Direito.

Cronograma preliminar
A Prova Escrita objetiva (Fase I) para as funções Delegado de Polícia, Perito Oficial Forense (Perito Criminal e Médico Legista) será aplicada no dia 04 de dezembro no período da tarde. Já a Prova Escrita Objetiva para as funções de Agente de Polícia Científica e Perito Papiloscopista será realizada no dia 12 de dezembro, nos períodos vespertino e matutino, respectivamente. As provas ocorrerão em Campo Grande; os locais serão divulgados posteriormente.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »