MENU

31/08/2021 às 07h47min - Atualizada em 31/08/2021 às 07h47min

Policia civil de Alcinópolis realiza operação “Boi limpo” para desvendar Abigeatos na região.

TEODORO NEWS
Foto: Divulgação
Diante da crescente onda de furtos de gado, “ABIGEATO” no município de Alcinópolis – MS e região, no mês de Agosto do corrente Ano, o Delegado responsável pela Delegacia de Polícia Civil de Alcinópolis, Dr. Fernando Dantas e sua equipe de policiais civis deram início a Operação denominada “Boi limpo”, com intuito de desvendar a autoria dos Abigeatos bem como coibir o crime no Município.

Só neste mês foram registrados 7 casos, referente a propriedades rurais localizadas em Alcinópolis, porém é de conhecimento dos Investigadores que muitos proprietários rurais apesar de serem vítimas do furto de gado não compareceram à Delegacia local para realizar o registro da ocorrência, o que dificulta a investigação policial.

Nos dias 27 e 28 de Agosto, o Delegado Fernando Ferreira Dantas e sua equipe realizaram novas diligências, referente aos casos ocorridos nesta cidade, e nas cidades vizinhas, constatando que os “modus operandi” da quadrilha são os mesmos.

 

O setor de inteligência em contato com algumas Vítimas, Testemunhas, e através de denúncias anônimas realizou a qualificação de alguns suspeitos pela pratica dos Furtos, bem como identificou ainda os locais que estão receptando a carne “in natura” oriunda do abate clandestino/abigeato para serem comercializadas

O Delegado Fernando, ressalta que é de extrema importância o apoio da população e comerciantes local, quanto ao consumo de carne “in natura”, para que se preocupem e busquem saber sobre a origem do animal, uma vez que podem estar colaborando com o crime, caso a carne adquirida não tenha a devida documentação, lembrando que adquirir produtos de furto, mesmo sem conhecimento, incorre no crime de Receptação.

O Inquérito Policial referente a todos os furtos de “abigeato” já foi instaurado, tendo o Delegado o prazo de trinta dias para sua conclusão final, motivo pelo qual a Força Tarefa do serviço de inteligência, as diligências e investigações seguem em sigilo, não sendo nenhum nome divulgado até a conclusão Final do Procedimento.

Fernando ressalta que qualquer denúncia pede ser realizada de forma anônima pelo telefone (67-3260-1770) ou pelo e-mail dpalcinopolis@pc.ms.gov.br

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »