MENU

05/08/2021 às 07h53min - Atualizada em 05/08/2021 às 07h53min

Após desaparecimento, polícia descobre que marido matou e enterrou mulher em casa

Ele ainda publicou na rede social da vítima se passando por ela

MIDIAMAX
Foto: Divulgação
Nesta quarta-feira (4), foi encontrado o corpo de Laís de Jesus Cruz, de 29 anos, que estaria desaparecida desde o dia 1º, em Sonora, cidade distante 351 quilômetros de Campo Grande. A informação inicial é de que ela teria sido vítima de feminicídio, morta pelo próprio marido, de 35 anos, e enterrada nos fundos da casa.

Conforme as primeiras informações, o homem foi preso em flagrante pelo crime. Na manhã desta quarta-feira, foi feito um boletim de ocorrência pelo desaparecimento da vítima. Um parente de Laís teria estranhado que o buraco que foi aberto no terreno da casa da vítima, onde deveria ser uma fossa, estava tampado e cheio de lixo.

Assim, segundo informações do site Idest, Polícia Militar fez buscas no local, cavando o buraco de aproximadamente 3 metros de profundidade, onde foi encontrado o corpo da vítima. O marido de Laís teria demonstrado muito nervosismo e foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil.

De acordo com a polícia, a vítima já tinha registrado boletim de ocorrência por violência doméstica. O caso é tratado até o momento como feminicídio e ocultação de cadáver. Para tentar despistar a polícia, o acusado chegou a fazer publicação no perfil do Instagram da vítima, se passando por ela.

Na mensagem, era como se a vítima dissesse que iria embora de Sonora. “Tchau Sonora. Aqui não volto nunca mais. Vou ficar off das redes sociais por um tempo”, foi escrito.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »