MENU

21/06/2021 às 07h21min - Atualizada em 21/06/2021 às 07h21min

Três meses após furtar gado, suspeito 'remarcou' e usou notas fiscais falsas para vender os animais, diz polícia

Investigação recuperou parte dos animais após receber denúncias em município de MS e diz que continua com as buscas. Suspeito está foragido.

G1
Foto: Divulgação
A Polícia Civil de Paranaíba, na região leste do estado, recuperou parte do gado furtado em março deste ano, em uma fazenda do município. A investigação agora prossegue para a recuperação do restante dos animais, além de prender o suspeito, foragido da Justiça.

Conforme a polícia, equipes do Serviço de Investigações Gerais (SIG) receberam denúncias e foram até uma fazenda, distante 4 km da área urbana de Paranaíba, há dois dias. Na ocasião, eles acharam uma cabeça de gado e depois mais quatro animais, que já estavam em um pasto "arrendado" pelo suspeito.

Além disso, a investigação apontou que os animais já tinham sido remarcados e o suposto dono, usando notas fiscais falsas, estava "repassando o gado para um terceiro, de boa-fé".

A pena para o crime de abigeato varia de 2 a 5 anos de prisão, além de multa.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »