MENU

12/05/2022 às 07h29min - Atualizada em 12/05/2022 às 07h29min

Um diretor de escola pública em MS é denunciado por importunar sexualmente alunas

Vítimas são adolescentes e o suspeito acabou afastado do cargo

DA REDAÇÃO/MIDIAMAX
Foto: Reprodução
Caso de importunação sexual contra adolescentes, alunas de um colégio, é investigado pela Polícia Civil de Nova Andradina, cidade que fica a 297 quilômetros de Campo Grande. Mãe de uma das vítimas, de 15 anos, procurou a delegacia e entregou prints com as mensagens enviadas pelo diretor da escola.

Em vídeo publicado nas redes sociais, a mãe conta que a adolescente de 15 anos é vítima de importunação sexual pelo professor e diretor do colégio. A jovem estuda no mesmo local desde a pré-escola, contou a mulher.

Ainda conforme relato da mãe no vídeo, publicado pelo Nova Fogo, ela viu as conversas. “Achei que mandava minha filha para a escola com proteção”, disse. A mulher ainda pediu que outras mães que souberem de casos semelhantes procurem a DAM (Delegacia de Atendimento à Mulher), onde o caso foi registrado.

Nas mensagens, o suspeito chamava a adolescente para ir até a casa dele. Ela chegou a reclamar sobre o autor ter tocado nela, no ambiente escolar. Conforme o site local, a Semec (Secretaria Municipal de Educação e Cultura) afastou o diretor das atividades.



Também foi aberto PAD (Procedimento Administrativo Disciplinar) contra o diretor, que já estaria sendo investigado também pelo MPMS (Ministério Público de Mato

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »